Evento que dá início às celebrações do Dia Mundial da Filosofia no Brasil é realizado em Brasília

_mg_6485

Relações humanas e respeito às diferentes culturas são debatidos em celebração do Dia Mundial da Filosofia com exposições, palestras, painel e apresentações artísticas 

Com entrada franca, evento reuniu mais de mil pessoas no último sábado (12), no Museu Nacional da República, em Brasília, e demarcou o início de jornada filosófica que celebrará a data instituída pela Unesco, em diversas outras capitais do país

Este slideshow necessita de JavaScript.


Com o tema: “Convivência: Como somar num mundo em conflito?” a celebração do Dia Mundial da Filosofia, realizada pela Organização Nova Acrópole Brasil em parceira com a Unesco no Brasil
, promoveu diversas atividades ligadas à cultura, a o humanismo e ao pensamento para estimular a reflexão sobre a arte de conviver em sociedade.

O importante papel das relações humanas e do respeito entre diferentes culturas, povos e crenças para apoiar o desenvolvimento social, político e econômico foi o tema explorado neste ano de 2016. Essencialmente, o desenvolvimento se baseia na promoção da pessoa humana e do seu conjunto de relações, seja consigo mesma seja com a sociedade onde vive. São laços de confiança e respeito, empatia e ajuda mútua que permitem que as pessoas se unam em torno de projetos comuns que gerem civilidade e desenvolvimento em todos os campos.

O evento, realizado no último sábado, mobilizou cerca de 200 voluntários e reuniu público de várias idades. Durante a manhã, os visitantes puderam conferir a apreciação musical de violino e piano em homenagem aos 260 anos de Mozart, que destacou sua vida e obra, dedicada à beleza e ao espírito de fraternidade e também com a atração “Arte e Filosofia” com leituras dramáticas de pensamentos presentes em obras de grandes filósofos como Sêneca, Marco Aurélio, Diógenes de Sinope, Picco dela Mirandola e Confúcio.

No período da tarde, foram realizadas mais apresentações musicais, com grupo de choro e coral, painel de debates e palestras.

No painel com o tema do evento, a Profa. Angela Branco da UnB falou sobre como existe um mito de que o homem é naturalmente violento e que existem várias pesquisas que mostram como o ser humano tende à cooperação. Já o Prof. Weber Lima do IESB resgatou o sentido da filosofia como amor à sabedoria, buscando unir as duas ideias de amor e de conhecimento, fazendo uma síntese entre razão e sentimento. O Prof. Daniel Crepaldi da Secretaria de Educação falou sobre as contradições do mundo em que vivemos em que existem poucas certezas, mais perguntas que respostas e agradeceu a contribuição de Nova Acrópole em palestras sobre o tema aos alunos da Fundação Educacional. Já o Prof. Luis Carlos, Diretor-Presidente de Nova Acrópole falou sobre como cada ser humano tem a oportunidade de encontrar uma solução própria para os seus dilemas de convivência e assim mostrar para a humanidade como é possível, todos temos oportunidades cotidianas de nos harmonizarmos com alguém e que esta postura individual contribui no processo de tornar a humanidade melhor e mais sábia.

A primeira palestra “A arte de viver como chave para a convivência” foi ministrada pela Profa. Lucia Helena Galvão, que trouxe reflexões do filósofo Epíteto e os relacionou com a convivência humana. Lucia destacou que a convivência origina-se da compreensão de que o indivíduo faz parte de um todo, por ora fragmentado, mas que pode ser harmonizado, mediante a compreensão de um sentido de unidade entre os seres, as leis da natureza e a vida, e que encontra na ética uma via de realização.

A palestra magna, proferida pelo Prof. Luis Carlos Marques, resgatou a visão de educação na antiguidade, que via na formação moral do indivíduo a principal missão da educação, diferente da instrução por si só, destacando que, apenas através do exemplo e aceitação da natureza do outro é possível educar e fazer crescer os demais seres que nos cercam e que, para dar exemplo, é indispensável a construção de nós mesmos como indivíduos mais humanos, o que constitui o papel central da Filosofia.

Além disso, o evento celebrou a inauguração da exposição fotográfica que ficará exposta até meados de dezembro na cidade. A exposição é fruto de um concurso nacional de fotografias lançado em agosto com a temática da Convivência. As 20 fotos expostas foram selecionadas a partir de 200 fotos recebidas pela comissão, por juri especializado que contou com o fotógrafo Thiago Santana, entre outros de renome nacional.Com curadoria de Kenia Aguiar Ribeiro, a exposição ficará aberta para visitação 24h, até o dia 26/11, na Praça do Conjunto Cultural da República e até o dia 14/12, no Aeroporto Internacional de Brasília. O resultado do concurso foi anunciado no final do evento, com a divulgação das três fotografias a serem premiadas e que contou ainda com projeção de mapping com frases célebres de filósofos na cúpula do Museu.


O evento de Brasília também foi apoiado pelo Instituto de Educação Superior de Brasília – IESB e pelas Secretarias de Educação e de Cultura do Governo do Distrito Federal (GDF).

O Dia Mundial da Filosofia, instituído pela UNESCO, é celebrado todos os anos na terceira quinta-feira do mês de novembro, para reforçar o valor necessário da filosofia para o desenvolvimento do pensamento em cada cultura e cada indivíduo, além de enfatizar, mais uma vez, a importância da formação humanista e ética na sociedade contemporânea.

Além da capital federal, outras 16 cidades (Anápolis, Aparecida de Goiânia, Belém, Fortaleza, Goiânia, João Pessoa, Macapá, Manaus, Mossoró, Natal, Palmas, Recife, Rio Verde, São Luis e Teresina) também terão celebrações que acontecem no dia 19/11. Para a programação completa em cada uma das cidades acesse:  www.diamundialdafilosofia.com.br

Sobre Nova Acrópole:

Nova Acrópole é uma organização internacional de caráter filosófico, cultural e voluntário que atua há 59 anos na promoção do estudo da filosofia de maneira prática, buscando fazer com que os ensinamentos das obras clássicas sejam debatidos no mundo contemporâneo, por tratarem das grandes questões humanas, como convivência, civilidade, desenvolvimento das potencialidades individuais e a construção de uma sociedade melhor.

Com este propósito de promover a reflexão e o crescimento do ser humano, desde 2005, Nova Acrópole celebra o Dia Mundial da Filosofia com seminários, apresentações artísticas e exposições em eventos por todo o Brasil. Em 2016, Nova Acrópole mais uma vez promove as celebrações do Dia Mundial da Filosofia, dentro do espírito de gerar reflexão sobre os desafios vividos pelo homem e a mulher contemporâneos.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s